Cemitério em animação

11/06/2012


O Cimetière du Père Lachaise é o maior cemitério da cidade de Paris e está entre os mais famosos do mundo. Localizado ao leste da capital francesa e fundado em 1804, lá estão os restos mortais de importantes personalidades da história mundial como: Oscar Wilde, Jean de La Fontaine, Marcel Proust, Jim Morrison, Frédéric Chopin, Pierre Bourdieu, entre outros.

A produtora De Films En Aiguilles criou uma animação que mostra um pouco deste incrível ponto turístico através da imaginação ingênua de uma menina. Escrito e dirigido por Antoine Colomb e Guillaume Rio, The ghosts of Père Lachaise é bonito, puro e muito bem executado.

Assista ao vídeo aqui:
The ghosts of Père Lachaise

Dia do Rock: Jim Morrison é eterno

13/07/2011

Hoje, dia 13 de julho, é mundialmente comemorado o Dia do Rock, ritmo norte-americano que conquistou o mundo ao longo do século passado. Também neste mês, mais precisamente no dia 3, completaram 40 anos da morte de Jim Morrison, vocalista e compositor do The Doors.

O dia 3 de julho tornou-se uma data de peregrinação para os fãs do músico, que viveu seus últimos anos em Paris, dedicando-se à poesia, e faleceu em 1971, vítima de ataque cardíaco. No aniversário de 40 anos de sua morte, não poderia ser diferente; o túmulo de Morrison foi cercado pelos fãs, adornado com flores, velas e outros objetos simbólicos, e recebeu também a visita de outros integrantes do The Doors.

A poesia das letras de Morrison foi imortalizada por uma legião de fãs dedicados, muitos dos quais sequer haviam nascido quando ele faleceu, que o transformaram em ícone. Uma lenda do rock n’ roll.

Localizado no cemitério Père Lachaise, em Paris, o túmulo de Jim Morrison é um dos mais visitados do mundo.

“Se minha poesia pretende atingir alguma coisa, é libertar as pessoas dos limites em que se encontram” Jim Morrison

Fonte: Wikipedia e Kovideo

Père Lachaise: cemitério cartão-postal

24/03/2011

Paris é a cidade da Torre Eiffel, do Louvre, dos Jardins de Luxemburgo e da Champs Élysées. Porém, um dos pontos turísticos mais interessantes da cidade luz é o cemitério Père Lachaise, sinônimo de um interessante passeio para observar obras de arte, tombadas pelo patrimônio histórico francês, e visitar túmulos de grandes nomes da história política, cultural e econômica
do mundo.
Localizado em uma área de 44 hectares, no 20°arrondissement – como são chamadas as regiões de Paris – o Père Lachaise é uma das principais áreas verdes da capital francesa. Seu nome é uma homenagem ao padre confessor de Louis XIV, que durante sua vida se dedicou a embelezar o cemitério.

Dos grandes nomes que repousam lá, estão Allan Kardec, Edith Piaf, Serge Gainsbourg, Frédéric Chopin, Marcel Proust, Jim Morrison e tantos outros.
Alguns dos túmulos mais visitados são os de Allan Kardec e de Edith Piaf. Mas, sem dúvida, um dos mais famosos é o de Oscar Wilde. No dia 1º de dezembro de 1900, o jornal The New York Times publicou :

MORTE DE OSCAR WILDE –  Ele terminou em um obscuro hotel no Quartier Latin em Paris. Disseram que teria morrido de meningite, mas há um boato de que cometeu suicídio.”

O anúncio de falecimento comunica que o escritor morreu às três da tarde do dia 30 de novembro e que teria vivido os últimos meses sob o nome de Manmoth. Chegava ao fim a vida de Oscar Fingal O´Flahertie Wills Wilde, nascido na cidade inglesa de Dublin em 1854.

Depois de ser celebrado por escrever O retrato de Dorian Gray, de 1891, e por uma série de peças de sucesso, sua vida mudou completamente ao ser  processado pela família de Lord Alfred Douglas, um jovem aristocrata por quem Wilde se apaixonou e com quem compartilhou um estilo de vida excêntrico. Condenado a trabalhos forçados que consumiram sua saúde e sua reputação, Oscar Wilde exilou-se em Paris. O escritor viveu seus últimos anos por lá. Hoje, ainda é possível visitar a casa onde o escritor inglês viveu e também o seu mausoléu, famoso pelas marcas de batons ali deixadas.

Para quem não pode ir até Paris, é possível fazer um tour virtual no site do cemitério clicando aqui

Our verdict on the best photographic books – check our ratings, summary and recommendations. write review for the book
Roy Thomas Fielding’s PhD dissertation Architectural Styles and the Design of Network-based Software Architectures. custom dissertation We recently invited a few of our authors and contributors to reflect upon how Dissertation Reviews has helped them in their work, and the early career academic
A Ghostwriting Service | Facebook. To interact with A Ghostwriting Service you need to sign up for Facebook first. Sign Up. It’s free and anyone can join. look here

Posts mais populares